Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


 

 

OS DIAS AMARGOS DE UM DOENTE DE PARKINSON

2011-07-10

Rogério Martins Simões

 

Nas minhas pernas assento

As minhas mãos trémulas de derrota…

Aos meus pés está este chão

Que ainda não me vence.

A minha cabeça preenche vitória…

Na vitória estas linhas escritas

Que não irei entender…

Depois…

Depois? Logo se verá.

A sorte continua desse lado.

Não! A sorte está comigo que ainda escrevo

Mesmo que eu não entenda o que escrevi.

No fundo não escrevo nada que não tivesse escrito…

Grito!

Um grito percorre sem glória a minha alma…

Meco, 10-07-2011 15:09:41

(Diálogos da alma e do poeta: os dias amargos de um doente de Parkinson)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54

 

 

 

 

 

TRINTA MIL SOFREM DE DOENÇA SEM CURA – PARKINSON. (Correio da Manhã de 9/01/2010)

Acabo de ler as páginas 26 e 27 do Correio da Manhã de hoje onde estimam que só em Portugal existem trinta mil doentes que sofrem de Parkinson.

Esta doença que afeta mulheres e homens a partir dos 55 anos é caracterizada por tremor, lentidão de movimentos, rigidez muscular e dificuldades de equilíbrio – é a chamada doença de “movimento” ou como eu a costumo designar “de falta de movimento”

No meu caso, estou diagnosticado com esta doença desde 2002, tinha então 53 anos.

Entretanto criei um blog de Parkinson para ajudar os outros a conhecerem a doença de Parkinson e ao longo de 7 anos tenho recebido testemunhos que não me deixam generalizar, ou seja, existem testemunhos de jovens com pouco mais de 20 anos que já estão diagnosticados com Parkinson. Quero com isto dizer que esta notícia poderia ter como título – que “afeta homens e mulheres essencialmente a partir dos 55 anos”.

Na primeira página existe um testemunho de um companheiro, o Sr. Joaquim Teixeira que carregado de esperança afirma “Dentro de cinco ou 10 anos, vamos ter medicamentos que interferem na evolução da doença”. Bravo companheiro, eu penso da mesma forma!

Depois existe uma entrevista com Helena Machado, Presidente da associação Portuguesa de Doentes de Parkinson que afirma que os doentes quando entram no hospital ficam seis meses à espera da confirmação do diagnóstico. Refere ainda que a unidade de cuidados continuados integrados, é insuficiente, os serviços de saúde não têm equipas suficientes.

Entre a página 25 e 26 está a escala de medida da intensidade que afeta os doentes de Parkinson: a escala HOEHN E YAHR. Eu encontro-me no nível 3 da escala de 5.

Vou terminar a descrição do que li no Correio da Manhã, algo que me deixou muito triste, é como eu já tivesse uma sentença de morte anunciada. Reparem na notícia que se encontra no topo da página 27, em destacado e passo a descrever:

MÉDIA DE VIDA
A ESPERANÇA MÉDIA DE VIDA ATUAL DOS DOENTES DE PARKINSON É DE CERCA DE 15 ANOS APÓS O INÍCIO DOS SINTOMAS.

Querem dizer com isto, no meu caso, que levo já 9 anos de diagnóstico e que me restam 6 anos de esperança média de vida. Como já tinha sintomas anteriores estarei próximo da morte.

São notícias destas que nos deixam afetados. Porém caros companheiros doentes de Parkinson e amigos: não irá ser desta que me irei deixar levar, pois vos digo, tudo farei para continuar a lutar pela esperança. E quando a sentir perder, se ainda assim continuar a escrever a uma mão como hoje o faço – despejarei a minha dor, sem ódio à pouca, sorte nos meus POEMAS DE AMOR E DOR.

Obrigado a todos quantos me têm apoiado e aturado quando a catarse me leva a escrever poemas de muita dor relacionados com esta doença que abrange mais de 4 milhões em todo o mundo.

Rogério Martins Simões

 


TURBULÊNCIA 2006

Rogério Martins Simões


Consciente do contraste que arrasto,

nos piores dias, quando me escondo

entre quatro paredes e me sufocam.

Quem me dera acordar da surdina

das palavras….

Na inconsciente turbulência

dos poemas que deixo de escrever,

que grito, e vão por aí.

Hoje sou eu próprio:

A métrica repetida

dos cantos marginais

e colectivos de dor.

Sou um completo deslize,

fora de tempo,

sem dar tempo

às palavras do coração.

Sou uma vaga de frio

que se enrosca pela manhã

numa tosse compulsiva.

Sou como uma fábrica,

sem chaminés,

encimada, “brada aos céus”…

Quem me dera ter manhãs

luzidias

de oblação e de oferendas…

E de repente,

como que a força que retém

a minha mão esquerda

rompesse a bruma da manhã,

apetece viajar,

subir ao mastro dianteiro

e cobrir a minha face lambida

de sal e mar.

24/02/2006

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:20



Notícias sobre: Parkinson

Mal de Parkinson de Antanas Mockus é fator positivo nas pesquisas
O Globo
... nas pesquisas de intenção de voto para a Presidência da Colômbia, Antanas Mockus declarou ser vítima do Mal de Parkinson, doença neurodegenerativa que ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Doença de Parkinson pode ser detectada pela voz
Correio do Brasil
Um mecanismo com base em análise de voz e da articulação da fala está sendo desenvolvido para o diagnóstico da doença de Parkinson, condição degenerativa ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Este é Antanas Mockus
Zero Hora
Mockus mostrou rara ousadia ao reconhecer, em 9 de abril, que sofre do mal de Parkinson. E disparou nas pesquisas, terminando a campanha de primeiro turno ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Deputado Jalser Renier destaca investimento continuado na Saúde e ...
BV News
... que são usados no tratamento de pacientes com esquizofrenia, artrite, câncer, osteoporose, hepatites A e B, epilepsia e mal de Parkinson. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Blogs sobre: Parkinson

Reabilitação Cognitiva » DOENÇA DE PARKINSON: UM GUIA COMPLETO ...
de Ana Katharina Leite
Ouvi falar muito bem desse livro na internet e achei que ele valia um post para a semana: Doença de Parkinson: Um Guia Completo para doentes e familiares. Infelizmente, a versão que achei foi em inglês, mas para quem domina a língua ...
Reabilitação Cognitiva - http://www.reabilitacaocognitiva.org/

Reabilitação Cognitiva » EXPERIÊNCIA DE DANÇA COM GRUPO DE PARKINSON
de Ana Katharina Leite
Os estudantes da Universidade de Illinois têm um jornal na internet que além de trazer notícias sobre a Universidade, divulga iniciativas e pesquisas interessantes, como uma que acontece no Brooklyn com pessoas com doença de Parkinson ...
Reabilitação Cognitiva - http://www.reabilitacaocognitiva.org/

Nome da Doença de Parkinson | Vida de Qualidade
de Bem Estar
A origem da doença de Parkinson vem do nome do médico inglês James Parkinson que pela primeira vez no ano de 1917 referiu os sintomas desta doença ea chamou de paralisia agitante. Esta doença tem uma origem neurológica e características ...
Vida de Qualidade - http://vidadequalidade.org/

Saúde, beleza e um pouco mais...: USP testa maconha para tratar ...
de Thamiris Stefani
Cientistas da USP (Universidade de São Paulo) testam um componente da maconha contra o mal de Parkinson, o cannabidiol, para tratar a psicose que atinge muitos dos doentes. O estudo piloto com seis pessoas que sofrem de Parkinson ...
Saúde, beleza e um pouco mais... - http://falandodesaudeebeleza.blogspot.com/

Parkinson é controlável?: Entrevista com o Neurologista Dr. Cícero ...
de ronsales
Eu já havia comentado em postagens anteriores, quando e como eu descobri que era portador da Síndrome de Parkinson, que meu neurologista disse que a possível causa da minha doença fora relacionada por stress exacerbado e a classificou ...
Parkinson é controlável? - http://ronsales-parkinsoncontrolavel.blogspot.com/

Websites sobre: Parkinson

Gov. Parkinson signs transportation bill | Business News for ...
TOPEKA — Gov. Mark Parkinson on Tuesday signed what he called "one of the most important jobs bills passed in the history of this state."
www.kansas.com/.../gov-parkinson-signs-transportation.html

Parkinson's disease posts - Political Hotsheet - CBS News
Stay up to the minute on the latest news and developments from Washington, from the White House to Congress and everything in-between with the best ...
www.cbsnews.com/8300-503544_162-503544.html?...

Health
The Parkinson's Quilt Project is designed to draw attention to the debilitating brain disease by collecting 2-foot-by-2-foot panels contributed by sufferers ...
www.suntimes.com/health/2319906,FIT-News-PQuilt26.article

Group helps those with Parkinson's live their lives - The News ...
Those affected by Parkinson's disease can find comfort and relief within a ... hosts a support group each month for those diagnosed with Parkinson's, ...
www.news-herald.com/articles/2010/05/24/.../nh2524152.txt

Artist helps others fight Parkinson's | honoluluadvertiser.com ...
Artist Vicki Beck, who is aggressively fighting a personal battle with Parkinson's disease, has a lively and inspiring show up at The Gallery on the Pali, ...
www.honoluluadvertiser.com/.../Artist-helps-others-fight-Parki...

ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON: MÉDICOS E INDUSTRIA
de Badu
Pesquisa do Cremesp analisa valores éticos que permeiam essa relação. Entre os médicos paulistas, 93% ganham brindes e benefícios das empresas farmacêuticas e de equipamentos e 80% recebem visitas de representantes da indústria de ...
ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON - http://associaobrasilparkinson.blogspot.com/

ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON: saude 6 RAZÕES PARA VOCÊ NÃO ADIAR A ...
de Badu
Toda mulher já está cansada de saber que deve ir ao ginecologista, pelo menos, uma vez ao ano. Mas, às vezes, a correria do dia a dia faz com que elas adiem este compromisso. Para que você coloque as desculpas de lado e invista mais em ...
ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON - http://associaobrasilparkinson.blogspot.com/

ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON: É seguro comer alimentos com alto ...
de Badu
Quais as consequências biológicas do uso das nanopartículas? Até que ponto a nanotecnologia aplicada nos alimentos pode prejudicar a saúde? A ciência ainda não sabe como nosso corpo reage às nanopartículas. ...
ASSOCIAÇÃO BRASIL PARKINSON - http://associaobrasilparkinson.blogspot.com/

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:53

Este vídeo mostra um doente de Parkinson, o autor deste blog Rogério Martins Simões, lutando contra a exclusão; dando corpo à luta contra esta terrível doença - declamando publicamente um poema seu. Evidentemente que estou pior do que estava em 2004. Mas não darei descanso à minha luta, apesar de não gostar de me ver neste ou noutro vídeo, tremendo, trocando e engolindo as palavras.

Pior que a doença é a solidão, e essa, todos temos de a evitar enquanto esperamos que uma cura milagrosa apareça.

Esperança não poderá ser palavra vã.

Um abraço

Rogério Martins Simões

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:53


CHORO DE DOR!

por romasi, em 18.03.09

 

 

 

CHORO DE DOR!
Rogério Martins Simões
 
Tenho um remo sem timoneiro.
Grudo a vida nas minhas preces.
Para que serve o meu veleiro?
Se, sem beber, ando aos esses.
 
Entorno a sopa no cancioneiro…
Colo versos e não os mereces.
Molho a pena no meu tinteiro:
Sonetos que na tristeza teces!
 
Treme a perna! Treme a mão!
Treme a mesa! Treme o chão!
Prendo versos no meu olhar.
 
Paro de tremer para a escutar:
- Coração, não tem mal de amor!
Vai borboleta! Choro de dor!
 
Lisboa, 17-03-2009 23:17:27
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:54


 

 

Não imaginam a coragem é preciso ter para mostrar o vídeo que se segue. Por isso, antes de o abrir, leia por favor até ao fim.
 
PARKINSON
 
Tendo por certo a morte, é na vida que nos vemos e revemos. Então, com fé ou esperança, movemos montanhas, por vezes de ilusões, mas movemos, esperando que um milagre qualquer aconteça
 
Acredito que a minha fé ajude a encarar os momentos mais difíceis, com mais tranquilidade, sempre à espera de um milagre. Mas, também, fico na esperança de conseguir que, num dado momento, sobre por aí uma pílula milagrosa que nos cure.
 
No século passado, todos que estavam diagnosticados com o bacilo da tuberculose, antes de ter sido descoberta a penicilina; quanta esperança em alguns; quanto desalento noutros e, afinal, no limiar da descoberta, do tal antibiótico, muitos dos que tinham esperança morreram e muitos dos que não acreditavam na cura sobreviveram.
 
Quiçá, muitos, na esperança não desistiram da vida - pela vida, e viveram mais uns anos na terra, graças à ciência, mas, sobretudo, ficaram vivos porque não terem perdido a esperança.
 
Acredito com firmeza que alguém me dê a notícia que tanto anseio: A cura para a doença de Parkinson.
 
Volto às palavras iniciais: Que difícil é mostrar os “estragos” visíveis que a doença de Parkinson causa em nós.
Que mais não seja, que os meus tremores e os temores sirvam para vos incentivar a não desistirem de viver e de lutar pela cura.
Irei continuar a escrever poesia e a declamá-la mesmo que chore...
 
Só mais uma palavra para quem se sente doente ou sofre do mal da solidão. Desejo, de todo o meu coração, que todos tenham fé e esperança para que o dia de amanhã seja melhor. Afinal a existência da Internet fez com que este meio pudesse ser útil para nos aproximarmos mais uns dos outros e para que os outros nos aceitem com mais dignidade.
Sejamos felizes com mais fé, mais esperança, mais amor e muita paz.
 
FELIZ ANO NOVO. FELIZ 2009
 
Dado que, por razões óbvias, não consegui ler o poema, como então lia, deixo aqui esse mesmo poema e um outro não lido mas cheio de Esperança.
 
Rogério Simões na Sessão Mensal de Poesia Vadia, realizada em 25-10-2008, no Café Le Bistro Almada (Rua Dr. Julião de Campos, nº 1). Uma organização dos Poetas Almadenses, que conta com o apoio do FAROL Associação de Cidadania de Cacilhas e da SCALA Sociedade Cultural de Artes e Letras de Almada.
 
 



 

 

Amanhã estarei melhor
Rogério Martins Simões
 
Hoje continua o lastro
do meu estado de alma
do dia de ontem.
 
Estou envolvido
numa teia que enleia.
Estou como que pregado
a um madeiro
sem pregos ou cordas.
Solto uma terrível agonia
e, sem dar conta,
nem vómitos dão a perceber.
 
Sou uma represa invisível
num turbilhão de água
pesarosa.
 
Se ao menos chorasse.
Se ao menos morresse.
 
Sou um ser solitário
acompanhado
com a mulher mais presente
- O amor da minha vida.
 
Será do tempo?
 
Hoje meu corpo
nem o Tejo espreitou!
Sinto-me agarrado a nada,
e nem mesmo a lua
terá saudades em me ver.
 
Este vazio imenso
parece furtar
as palavras do coração.
Parece levar a alma,
que renascia,
quando noite fora partia,
pelo Tejo,
em busca de uma bruma de saudade.
 
Será do Inverno?
 
Não! O Inverno esquivou-se
nas estações esquecidas,
onde nem as carruagens
de terceira classe param.
 
Amanhã estarei melhor!
2008
 
ESPERANÇA
Rogério Martins Simões
 
Entrelaço os meus dedos nos teus
Vivas ilusões, ténues lembranças
Foram inatingíveis os versos meus
Outono breve, poucas esperanças
 
Ateámos o fogo nas estrelas dos céus
Mapeávamos nossos corpos de danças,
Encontros e desencontros, não são réus
Presos não estamos, procuro mudanças
 
Agora, adorno enigmas, bordados de cruz
Cintilam horizontes de esperança e luz
Meu fogo arde no mais puro cristal
 
E se na alquimia busco a perfeição
Respondo às interrogações do coração
Descubro no amor a pedra filosofal.
 
Lisboa, 02-10-2006 23:58
 
NÃO POSSO ABANDONAR A ESPERANÇA
(Rogério Martins Simões)
 
Andam as minhas mãos
cansadas
Trocam-me as voltas…
E volta e meia perco
a força.
A direita vai à frente e não
 desiste
A esquerda preguiçosa …
insiste
Onde está a delicadeza
do meu gesto
Onde pára a minha pose
de dança
Bolero,
Tango,
Flamengo
Tudo quero!
Não posso abandonar
a esperança!
09-01-2005 1:06:49
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:54

 

 

 

MEU CHÃO
Rogério Martins Simões
 
Soltei meu versos, asas de condor,
Paixão não rima com dor
Meu chão!, és tu, meu lindo amor
 
Tenha a mão presa num cordel
Parkinson só rima com dor
Meu chão!, és tu, meu lindo amor
 
Tombei, caí, senti o chão…
Que seria de mim sem tua mão
Meu chão!, és tu, meu lindo amor
 
Agarro o verde esperança de papel
Ando nas cores arco-íris dum pincel
Compaixão?
Meu chão!, és tu, meu lindo amor.
 
Soltaste minha corda, minha mão
Ao peito a levaste em oração
Meu chão?
Meu chão é teu chão oh lindo amor!
 
Lisboa, 15-02-2007 23:59
(Escrito agora para a ciranda Poetrix “Meu Chão”)

 

 

 

 

 

 

NOTÍCIAS SOBRE: Parkinson

Bráulio Cançado Flores
Diário da Manhã - Goiânia - Goiânia,GO,Brazil
... fomos informados por seus filhos que ele é portador das doenças de Parkinson e Alzheimer e que, além disso, se locomove com bastante dificuldade. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Leite ajuda a prevenir Alzheimer, artrite, câncer e osteoporose
Panorama Regional - Miguel Pereira,RJ,Brazil
Geral - O consumo regular de leite ajuda a prevenir artrite, câncer e doenças neurológicas, como Alzheimer e Parkinson. O alimento - bem como seus derivados ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Jornal de Uberaba

Daniel Jorge de Oliveira afirma que inicialmente é realizada uma ...
Jornal de Uberaba - Uberaba,MG,Brazil
O mal de Parkinson é uma patologia neurológica que compromete os movimentos das pessoas. Essa enfermidade também é conhecida por parkinsonismo primário ou ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Primeira reunião da Associação de Parkinson na Policlínica da ...
A Voz da Cidade - Barra Mansa,RJ,Brazil
Foi realizada ontem, à tarde, a primeira reunião da Associação dos Portadores de Parkinson (APPVR), na Policlínica da Melhor Idade, no bairro Jardim Paraíba ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Associações de doentes de Parkinson se reúnem para discutir ...
pe360graus.com - Recife,Pernambuco,Brazil
Pacientes que sofrem com o mal de Parkinson, a doença neurológica que compromete os movimentos do corpo, querem ter direitos que garantam melhores condições ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Tesofensina: Medicamento prometedor contra a obesidade
Diário Digital - Lisboa,Portugal
O medicamento tesofensina, usado no tratamento de doenças como a Parkinson ou o Alzheimer, produz perdas de peso com uma eficácia cerca de duas vezes ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Doença de Parkinson debatida na Nazaré
Gazeta das Caldas - Caldas da Rainha,Leiria,Portugal
A realizar na Nazaré, o encontro deste ano é subordinado ao tema “A Doença de Parkinson, como enfrentá-la” e visa disponibilizar aos doentes e familiares ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Bom Dia Pernambuco desta sexta-feira fala de Mal de Parkinson
pe360graus.com - Recife,Pernambuco,Brazil
O Bom Dia Pernambuco desta sexta-feira (24) mostra o drama de quem sofre com o Mal de Parkinson e precisa de remédios doados pelo Governo. ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Leite, o alimento completo
Portal Nacional de Seguros - Santos,SP,Brazil
O consumo regular de leite ajuda a prevenir artrite, câncer e doenças neurológicas, como Alzheimer e Parkinson. O alimento - bem como seus derivados - é ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:38


Parkinson em notícias

por romasi, em 30.09.08

Potiguares estão envelhecendo mais
Diário de Natal - Natal,RN,Brazil
Desses, 10 mil são para tratamento de osteoporose; 2,5 mil para redução de colesterol; 1,3 mil para Alzheimer e 700 para Mal de Parkinson.
...

 


 

Ciência Hoje

Na medicina uma solução «pode demorar dez anos a chegar»
Ciência Hoje - Porto,Matosinhos,Portugal
A primeira manhã foi dedicada às doenças neurodegenerativas, como por exemplo Parkinson, a encefalopatia (das vacas loucas), e muitas mais, passando por ...
 

 

 

 

Adolescente é acusado de matar paciente de casa de saúde
Jornal A Tribuna - Criciúma,SC,Brazil
O paciente Valmiré Gonçalves, de 47 anos, que sofria de mal de Parkinson, foi asfixiado com um cobertor por volta de 22h da noite de quinta-feira. ...
 

 

Jornal Gazeta

Um brinde pode ser terapêutico para Alzheimer e Parkinson
Jornal Gazeta - Bento Gonçalves,Rio Grande do Sul,Brazil
Dr Júlio falou dos efeitos neuroprotetores da bebida, principalmente nas doenças neurodegenerativas, como Mal de Parkinson e Alzheimer. ...
 

 

 

Cientistas criam células-tronco a partir de vírus
O Globo Online - Rio de Janeiro,RJ,Brazil
... aplicar a mesma técnica em células humanas, esta seria uma forma segura de tratar doenças como como a anemia de células falciformes ou Parkinson. ...
 

 

 

Descoberta forma mais segura de criar células-tronco
Abril - São Paulo,SP,Brazil
... segura de testar terapias celulares para tratar doenças como anemia das células ou o mal de Parkinson, segundo artigo publicado por Konrad Hochedlinger, ...
 

 

 

Investigação revela que a dor é comum na Doença de Parkinson
Farmacia - Lisboa,Lisboa,Portugal
Aproximadamente 70 por cento dos pacientes com Doença de Parkinson relataram a existência de dor, o que é significativamente mais elevado do que a ...
 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:51


Introspecção

por romasi, em 20.05.08

 

 

 

 

 

INTROSPECÇÃO

 

Se não conseguires escrever

com as duas mãos,

ainda assim, escreverás com uma;

 

Se tiveres dificuldade em escrever direito,

com uma mão,

escreve com os dedos que te restam;

 

Se te tremerem as mãos

e sentires que te olham,

não te importes!

Só treme quem está vivo.

 

Se não conseguires escrever

Dita os teus reversos

para que alguém

te apare a escrita…

e o néctar dos teus versos.

 

Se mesmo assim

tiveres em dificuldade,

esforça-te:

 grava as palavras

no teu coração

E recorda que já foste poeta

 

Lisboa, 29 de Janeiro de 2008

 

Rogério Martins Simões

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:46


Dia mundial do doente com PARKINSON

por romasi, em 09.04.08

 

(Óleo sobre tela - TEMPESTADE

de ELISABETE MARIA SOMBREIREIRO PALMA)

 

 

DIA MUNDIAL DO DOENTE COM PARKINSON

 

11de Abril de 2008

(Sexta-feira à tarde)

 

RTP2 – SOCIEDADE CIVIL

(Programa apresentado por FERNANDA FREITAS)

 

No próximo dia 11 de Abril é lembrado à sociedade que existe uma doença, neurodegenerativa, que dá pelo nome PARKINSON.

No serviço público da televisão, de qualidade, RTP2, no programa magazine de informação, “Sociedade Civil”, vai falar-se sobre Parkinson.

Todos aqueles que são portadores desta doença sabem o que sofrem e o que fazemos sofrer. Nesta data, em meu nome e como portador da doença, entendo que devo agradecer a quem directa ou indirectamente nos ajuda.

Ao Tiago Fleming Outeiro, ilustre Professor e cientista português, e à sua equipa de cientistas, quero agradecer tudo o que tem feito para minorar os “estragos”. O Tiago sabe, que eu sei, que nos irá dar muitas alegrias. Talvez por isso não tenha estranhado as boas-novas que nos chegaram recentemente. Obrigado TIAGO por colaborar há anos com este modesto blog e com o blog “Mal de Parkinson” do Brasil.

Agradeço, também, aos restantes cientistas, aos médicos, aos restantes profissionais de saúde, às Associações de Parkinson, às famílias, aos voluntários e a todos aqueles que ajudam os milhões de doentes, onde incluo doadores, jornalistas e promotores de programas como o que vos é anunciado.

Queridos pais, não se preocupem tanto com este vosso filho! Gosto muito de vós! Pai, mestre poeta com quase 86 anos, vai passar tudo, não vai?!

Finalmente à minha esposa! Para ela tudo! Obrigado Elisabete Maria Sombreireiro Palma.

Aos verdadeiros amigos, e restantes portadores de Parkinson, vai um abraço numa manhã de esperança.

Deixo-vos em poesia alguns dos meus estados de alma, maus sofríveis ou razoáveis, desde que em 2002 me disseram: Sofre de Parkinson!

Não iremos desistir de lutar!

Rogério Martins Simões

 

PARKINSON

(DIAGNÓSTICO)

Rogério Martins Simões

 

Meu amor! Tu não estavas enganada!

Só tu darias pela diferença no gesto

Pela minha expressão algo errada...

O meu lado esquerdo menos lesto.

 

Hoje, tu não ficaste surpreendida.

Componho este poema, e não desisto:

A direita, com que escrevo, agradecida!

Com a esquerda não escrevo mas insisto!

 

Com a direita escrevo o “A” de amor,

Com a esquerda se escreve o “D” de dor

E o resto deste poema em desespero.

 

Pois sofrer, tanto sofrer não conhece

Meu corpo, tanto sofrer, não merece

Sofrer mais, por sofrer, não quero!

 

04-06-2002

 

 

BASTA DE TANTO SOFRER

(13 de Maio)

Rogério Martins Simões

 

Basta de tanto sofrer!

Chega de tanta agonia!

Já não consigo escrever

E tremendo não ousaria.

 

Mas desta forma tremer,

Com esta mão temendo fria

Quisera alguém viver

Sem prazer ou alegria?

 

Pergunto a ti meu amor

A razão da minha dor:

Porquê tanto tormento?

 

E se adio o meu sofrimento

Em ti que só força recebo

Volto a ter coragem e escrevo.

 

13-05-2004 2:07:59

 

 

Destino ou Coragem

(Rogério Martins Simões)

 

Deixei para trás o meu ego

Deixei o sonho segurar o tento…

Quis Deus ou o destino cego

Que o destino fosse tormento

 

Ao sonho e à coragem me apego

Gavião deixa passar o vento…

Sou náufrago em desassossego

Destino ou coragem sustento.

 

Não! Não mais quero o desespero!

Não negoceio contigo e não quero!

Sou trama e urdidura forte…

 

E se o destino a coragem revela

Partiremos juntos num barco à vela

Pois na coragem se combate a sorte…

 

Lisboa, 29-08-2006 22:36

 

Soprei numa pena

Rogério Martins Simões

 

Soprei numa pena

Que se anichou à janela

Aí está ela, agarrada à empena.

Sem pena, partiu à vela….

 

Valerá a pena ir atrás dela?

 

Deu a volta e reentrou,

Parece serena!?

Soprei na pena e a pena voou,

Aí vai ela! Pela porta pequena…

 

Valerá a pena partir com ela?

 

Vem um passarito

Apanha-a no bico

Ouve-se um grito

Aí vai ela, a caminho do pico…

 

Valerá a pena ter pena dela?

 

Vem um gavião com asas de granito,

Devolve-me a pena, com penas na sela…

São do passarito que passou a goela

Parte gavião! Leva as penas maldito…

 

Regressou a pena!

Não voltei a soprar mais nela…

Parece serena,

A pena,

Que pena reencontrar-me com ela!

 

Hospital dos Capuchos, 19/9/2007

(Concluído em 02/10-2007)

Se voltasse não mais choraria

Rogério Martins Simões

 

Gosto dos simples como gosto de poesia

Até gosto d´ervas que crescem daninhas

Não gosto de choros e tristezas minhas

Viver por viver jamais viveria.

 

Provei o vinho amargo, da amarga agonia,

Feito de fel, alegrias-poucas, dores minhas.

Se voltasse não mais choraria

Beberia o vinho novo colhido das vinhas

 

Como poeta eu seja lembrado

Num cantar errante mas perfumado

Volte amanhã de novo a florir

 

E serei poema em forma de trigo

Semente de amor; cantar de amigo

Para que não mais chore o meu sorrir!

 

16-05-2005

 

POUCOS REFLEXOS ME RESTAM

Rogério Martins Simões

 

Poucos reflexos me restam

Muitas artes me esperam

e eu não vou…

 

Que importa a poesia

que não se escreve!?

Soluço tantas vezes

os meus poemas!

Engulo as penas…

E com algemas…

Desesperadamente

Não apanho os versos.

 

Se ao menos a outra mão

me acompanhasse

Deixasse de tremer

Enquanto escrevo poesia

Certamente prometia

Não mais chorar.

 

E neste acervo

Se eu achasse qualquer remédio

(Uma pílula milagrosa qualquer)

Que me pudesse rejuvenescer

Parasse este meu tango…

A que chamam de Parkinson.

Voltaria a dançar fandango

Voltaria a dançar o charleston.

 

16-05-2005 18:46

 

 

ESPERANÇA

Rogério Martins Simões

 

Entrelaço os meus dedos nos teus

Vivas ilusões, ténues lembranças

Foram inatingíveis os versos meus

Outono breve, poucas esperanças

 

Ateámos o fogo nas estrelas dos céus

Mapeávamos nossos corpos de danças,

Encontros e desencontros, não são réus

Presos não estamos, procuro mudanças

 

Agora, adorno enigmas, bordados de cruz

Cintilam horizontes de esperança e luz

Meu fogo arde no mais puro cristal

 

E se na alquimia busco a perfeição

Respondo às interrogações do coração

Descubro no amor a pedra filosofal.

 

Lisboa, 02-10-2006 23:58

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:28



O MEU LIVRO DE POESIA






DESTINO OU CORAGEM



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D



Mais sobre mim

foto do autor