Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mentia se eu dissesse que minto

por romasi, em 11.08.05

MENTIA SE EU TE DISSESSE QUE MINTO


  


Mentias se tu me dissesses... que pinto…


Que não me esforço, peço ajuda, e tu vais...


Ajeitas-me o nó da gravata… e o cinto.


Teus passos para mim são sempre mais...


 


Mentia era se te dissesse que minto,


Que do meu corpo já não saem vendavais


Que os meus pés já me pesam e não os sinto


E que meus passos para ti são demais.


 


E se te peso ao de leve e não quero


Tu bem sabes a razão do desespero


Não seja tamanha a razão do repeso.


 


Pois sempre quis voar na ode de um poema


Irás encontrar em meus versos alfazema


Antes fosse manha a razão do meu peso.


 


10-08-2005 23:31


Rogério Simões

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:15




O MEU LIVRO DE POESIA