Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Parkinson lutar por uma vida melhor

por romasi, em 24.12.04

Revista “BEIJAFLOR NATURAL”


 


Já se encontra nas bancas da especialidade a revista nº 38, de Novembro de 2004.


A revista Beijaflor Natural é uma publicação da “Mercuriana, Publicidade e Comunicação, Lda” Praça Ilha do Faial, 14 - R/C 1000-168 Lisboa.


Na revista n.º 38 a folhas 18 e 19 encontra-se um artigo intitulado “Parkinson Lutar por uma vida melhor”


Este texto refere que em Portugal existem cada vez mais doentes com o Síndroma de Parkinson. A poluição ambiental e o excesso de medicamentação são as principais causas. Não existe cura, mas já é possível atenuar os sintomas através da medicina alternativa”, referem.


O artigo fala ainda das causas.


Nas substâncias neurotóxicas que em função da dose, podem ter efeitos nocivos para o cérebro:


1º Alumínio;


2º Chumbo;


3º Mercúrio;


4º Medicação em excesso;


5º Produção de radicais livres.


Aborda os sintomas, tais como, a rigidez, o tremor, a bradicinesia e a instabilidade postural.


Como alternativa aos produtos químicos indica a Acupunctura, a vitamina B2 e substâncias antioxidantes.


Quanto À vitamina b2 está escrito “ A ingestão de doses elevadas desta vitamina ajuda a combater a doença de Parkinson, ao contribuir para a inversão do processo degenerativo dos neurónios. É indispensável para o processo de respiração das células e responsável por mais de cem reacções químicas. Pode ser encontrada nos lacticínios, nos cogumelos e na levedura de cerveja”


Os antioxidantes, que combatem os radicais livres, podem ser encontrados no tomate, nos brócolos, todos os vegetais de folha verde, o peixe e as nozes.


Finalmente informo que existem online 3 revistas mais antigas que podem ser copiadas. no endereço


http://www.beijaflor.online.pt


Posso referir um artigo da autoria de Francisco Varatojo, publicado na revista 22 que nos fala de Strees


Rogério


08-12-2004


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:51


1 comentário

De paula soares a 15.11.2008 às 01:25

Boa noite!

Eu não sou doente de Parkinson, nem de Síndrome de Parkinson, mas tenho um familiar muito querido que actualmente, depois de ter estado um ano à espera para ser operada, descobriu-se que afinal, ela não é doente de Parkinson, mas sim de Síndrome de Parkinson, por isso não pode ser operada. Podem, por favor, esclarecer-me àcerca da Síndrome de Parkinson e qual a diferença relativamente à doença de Parkinson?
Como devem compreender depararmo-nos com uma doença destas não é fácil, nem para a pessoa em questão nem sequer para os familiares, e os médicos que nos atendem não esclarecem muito, abordam só o essencial para eles, mas a dor permanece dentro de nós sem forma de ser apaziguada, por desconhecimento e incapacidade de enfrentar o desconhecido...
Aguardo uma resposta vossa e muito obrigada pela vossa atenção ao meu pedido.

Obrigada!
Paula Soares

Comentar post




O MEU LIVRO DE POESIA